O PROJECTO

Contribuições, insultos, projectos de execução, mas principalmente donativos chorudos para:

blog_oprojecto@hotmail.com (com minúsculas)

terça-feira, junho 29, 2004

 

Efémero?

A Feira do Livro acabou. Tudo foi desmontado, arrasado, empacotado, removido. Nada resistiu. Nada? Não. No alto do parque um intruso recusa-se a sair. Construído com materiais leves de carácter temporário, o café/bar (e também as estruturas dos auditórios) instalou-se para ficar. Sabe que não vai durar muito. O seu destino éstá traçado. Mas o normal seria já estar arrumado num canto. Mas não está. Porquê? O que levou um grupo de pessoas a interessarem-se por aquele espaço, temporário? Uma única razão: a sua arquitectura. Dirão: mas que raio tem aquilo de especial? De facto, não passa de uma estrutura temporária. Mas o cuidado e a serenidade com que se (im)planta no sítio conferem-lhe uma qualidade rara. Apesar de ser temporário. Os responsáveis são mais conhecidos pelo Lux. Quem tem escolhido o alto do parque para passar as noites, não desconfia da presença da mão de Margarida Grácio Nunes e Fernando Sanches Salvador. Não pensa muito nisso. Apenas se surpreende com aquele sítio, demonstrando desilusão pela desactivação anunciada para o final do Euro.
Comentários: Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial

Arquivos

Junho 2003   Julho 2003   Agosto 2003   Setembro 2003   Outubro 2003   Novembro 2003   Dezembro 2003   Janeiro 2004   Fevereiro 2004   Março 2004   Abril 2004   Maio 2004   Junho 2004   Julho 2004   Agosto 2004   Setembro 2004   Outubro 2004  

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Subscrever Mensagens [Atom]