O PROJECTO

Contribuições, insultos, projectos de execução, mas principalmente donativos chorudos para:

blog_oprojecto@hotmail.com (com minúsculas)

sexta-feira, julho 02, 2004

 

mansillõns



Em Portugal, e não sei porquê, a arquitectura espanhola não tem o merecido destaque. Talvez por ser ibérica, e como tal muito semelhante à nossa. Talvez porque faltem "estrelas" (Moneo resiste). Não sei. Mas a verdade é que os nossos vizinhos andam a produzir coisas que merecem a nossa atenção. Dos que conheço, os Mansillõns (nome porque é carinhosamente denominada por um grupo de amigos a dupla Luis Mansilla e Emílio Tuñón, linkados no post aqui em baixo, "Fenestrações") são os que prefiro. É do caraças. Uma obra marcada pelo rigor geométrico sem se reduzir a purismos estéreis (a laia de Campo Baeza, e lá vai o Lutz cair-me em cima), com espaço para a expressão, como é o caso dessa "fachada cúbica" em León. Marcada também pela manipulação inteligente das formas básicas (o cubo, o paralelipípedo). Pertencentes a uma geração que em portugal "deu" Souto Moura, Carrilho da Graça, Graça Dias, etc, etc, estes Mansillõns arrancam-me o aplauso. E viva la España.
Comentários:
Bom, aqui estou eu, à cair-te em cima (com um imenso atraso, porque estou ocupadissimo), mas só para te dar -em parte - razão. Campo Baeza é por vezes estéril, nomeadamente nas obras maiores. E os Mansillons são muito interessantes, pelo que vejo aqui.
De resto acho que a arquitectura espanhola actual tem uma qualidade média invejável. Para além de Rafael Moneu, que admiro, gosto muito Bach/Mora.
 
Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial

Arquivos

Junho 2003   Julho 2003   Agosto 2003   Setembro 2003   Outubro 2003   Novembro 2003   Dezembro 2003   Janeiro 2004   Fevereiro 2004   Março 2004   Abril 2004   Maio 2004   Junho 2004   Julho 2004   Agosto 2004   Setembro 2004   Outubro 2004  

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Subscrever Mensagens [Atom]